Campeonato de Jiu-Jitsu: como organizar um de sucesso

Assim como todo evento esportivo, o campeonato de jiu-jitsu trata-se de um momento inesquecível e muito esperado pelos atletas.

Você sabia que é preciso meses e em alguns casos até anos de preparação e treinos? E claro, a ansiedade de um atleta em participar de um grande campeonato de jiu-jitsu é grande, mas requer muita dedicação!

Esse evento esportivo traz com si a adrenalina e os nervos à flor da pele dos espectadores e atletas. 

Mas, acima de tudo, o atleta precisa manter a concentração em seus objetivos, e a jornada de organizar um evento esportivo que envolve um campeonato é tão desafiadora e cheia de compromissos quanto.

Por isso, preparamos um artigo completo para você entender o jiu-jitsu, os principais campeonatos que já aconteceram e como organizar um de sucesso.

Saiba como surgiu o Jiu-Jitsu

É interessante antes de realizar um evento esportivo, estudarmos e analisarmos como surgiu aquele esporte, quais são suas necessidades e tudo o que o cerca.

Tendo a história como base, você terá diversas ideias do que fazer, quais brindes oferecer, as luzes, espaço e tudo que é preciso para que o evento esportivo ocorra de maneira ideal.

No caso de hoje, iremos organizar um campeonato de jiu-jitsu, por isso, é importante sabermos que o jiu-jitsu surgiu no continente Asiático, há cerca de 3.600 anos atrás.

Sim, faz tempo!

Já no Brasil, o jiu-jitsu veio por meio do japonês Mitsuyo Maeda em 1914, porém, os irmãos Gracie introduziram adaptações, resultando no Brazilian jiu-jitsu, o qual realizamos hoje.

E se você pensa que a história do jiu-jitsu não tem lá suas confusões, você está enganado! 

Há diferentes vertentes quando se trata da origem da arte suave, mas a mais difundida conta que o jiu-jitsu surgiu no Japão.

Mas há outras versões que a origem do jiu-jitsu surgiu na Índia, onde era praticado pelos monges budistas, sendo levado para a China e depois para o Japão, acompanhando a expansão do Budismo. A terceira vertente sustenta que surgiu na China.

Enfim!

Qual está certa não sabemos de fato, mas depois de muitos anos houve consenso que foi no Japão que se deu a origem desse esporte.

Esse consenso se fixou, pois foi através das escolas de samurais, que as técnicas e golpes foram desenvolvidas. Naquela época, o jiu-jitsu surgiu como uma arte marcial que se diferenciava das técnicas rígidas, nas quais usava-se armas, como espadas e punhais.

Inclusive, você sabia que para os japoneses, as técnicas de autodefesa do jiu-jitsu tem relação filosófica com o pensamento do budismo? Demais, né?

Esse esporte é fundamentado somente na inteligência, não sendo preciso usar a força bruta.

E claro, muitos de nós já ouvimos falar que batendo não se resolve nada, certo? E é exatamente assim que o jiu-jitsu também pensa!

Mas você pode se questionar de onde surgiu esse nome? A palavra Jiu-Jitsu foi criada por Hisamori Tenenuchi, fundador da primeira escola de jiu-jitsu no Japão em 1532.

Porém, de início, o jiu-jitsu não era bem visto. Até que surgiu Jigoro Kano, um mestre japonês sábio, membro do departamento cultural e praticante de jiu-jitsu que revolucionou as técnicas da luta no final dos anos de 1800, criando sua própria versão, que chamou de judô, com os mesmos fundamentos de combate que o antigo jiu-jitsu.

O Jiu-Jitsu no Brasil

Agora que a gente já entendeu o porquê do nome jiu-jitsu, sua origem e quem criou, é importante sabermos como essa modalidade chegou no Brasil visto que sua origem é do Japão.

No ano de 1914, o criador do nome jiu-jitsu veio ao Brasil e nos apresentou essa modalidade de esporte. 

Conde Koma, ou se preferir Mitsuyo Maeda, era um mestre japonês em lutas marciais, e logo após percorrer alguns países como o Reino Unido, México, Cuba e França, Maeda chegou ao Brasil, mais especificamente em Belém do Pará para nos ensinar o que sabia sobre lutas.

E claro, houve uma confusão quanto ao nome da luta e até no Japão, o termo “ju jutsu” ou” kano ju -jutsu” era utilizado se referindo à parte técnica, e o termo “judô”  quando se referia à parte filosófica. 

Somente em 1925 o governo japonês oficializou o nome judô, nomeando assim a luta que era ensinada nas escolas públicas do país.

Quando chegou ao Brasil, o nome judô ainda não estava oficializado e era comum aquela luta ser chamada, pelos japoneses, de “ju-jutsu ou “kano ju-jutsu”.  

Vamos confessar que não é um nome tão fácil assim de ser falado, por isso, jiu-jitsu é o termo mais abrasileirado. 

Jiu-Jitsu no Brasil: conheça os principais eventos

Bom, agora que já sabemos a origem do esporte, chegou a hora de falarmos um pouco mais sobre sua atuação em eventos brasileiros, certo?

Quando se trata de jiu-jitsu o foco é treinar, competir e se tornar campeão! O atleta que pratica esse esporte sabe que irá participar de diversos torneios e competições caso se empenhe!

Os campeonatos de jiu-jitsu regionais servem para somar pontos ou melhorar o desempenho enfrentando atletas de outras academias. 

Mas quanto mais eventos esportivos o atleta participa, mais destaque entre os lutadores ele conquista. 

Por conta disso, o esporte tomou mais corpo aqui no Brasil, conquistando um grande mercado, inclusive, podemos destacar três competições como as mais importantes:

Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu

Para saber quem são os melhores lutadores de cada estado, desde 1994, ocorre o campeonato de jiu-jitsu brasileiro.

Nesse campeonato, com data e hora marcada, os melhores lutadores de cada estado se enfrentam na competição nacional para ver quem é o melhor do Brasil.

É comum que os campeonatos de jiu-jitsu ocorram nos finais de semana, dessa forma, tanto a presença dos competidores quanto dos torcedores e família são garantidas.

Campeonato Brasileiro de Equipes de Jiu-Jitsu

Depois da criação do Campeonato Brasileiro individual, foi criado o campeonato de Equipes, em 1995. Por conta do envolvimento das torcidas das academias, esse evento ganhou grande repercussão rapidamente. 

Nesse modelo de competição, cada equipe participa com cinco atletas titulares e dois reservas. 

Cada técnico escolhe a ordem de 1 a 5 para seus lutadores, em segredo.

Na hora do confronto, os lutadores de mesmo número se enfrentam. A equipe que vencer três das cinco lutas, é considerada a campeã.

Campeonato Brasileiro de Estreantes

Para aqueles que não possuem nível suficiente para encarar essas competições, o Campeonato de jiu-jitsu Brasileiro de Estreantes é para aqueles que estão começando, diferente dos dois outros campeonatos que são voltados para atletas com mais experiência, ou que já tiveram vitórias em campeonatos regionais.

É uma espécie de categoria de base do Jiu-Jitsu, onde os futuros campeões começam a ganhar experiência.

como-fazer-a-organizacao-de-campeonato-esportivo

Saiba como organizar um campeonato de Jiu-Jitsu

Agora que já sabemos como surgiu, o que é e quais são os campeonatos de jiu-jitsu, vamos à tarefa mais importante: organizar um campeonato de jiu-jitsu!

O organizador de evento esportivo que pretende organizar um campeonato de jiu-jitsu tem como tarefa:

  • Encontrar um ginásio ou academia para hospedar o evento;
  • Buscar patrocinadores;
  • Definir categorias;
  • Estabelecer a premiação;
  • Contratar fornecedores;
  • Fazer camisetas;
  • Divulgar nas redes sociais o campeonato;
  • Contratar árbitros qualificados;
  • Montar o evento (tatames, área de espera dos atletas, pódio etc.);
  • Estabelecer e seguir o cronograma de lutas etc.

Todos esses itens são essenciais para a realização de um campeonato de jiu-jitsu, mas existe um ainda mais fundamental: o momento das inscrições, pois sem participantes, não há campeonato, certo?

Promova seu campeonato de Jiu-Jitsu com inscrições online


Não é segredo que grande parte das divulgações de eventos esportivos ocorrem por meio das redes sociais e online.

Isso porque, tanto as pessoas que buscam assistir esse tipo de esporte quanto os lutadores buscarão por um canal digital para fazer as inscrições e saber mais sobre o evento.

Por isso te indicamos o Minhas Inscrições, pois aqui você pode:

  • Realizar disparos de news para a base do organizador;
  • Criar seu hotsite personalizado;
  • Divulgar fotos do campeonato no Flickr;
  • Emails transacionais personalizados;
  • Criar e oferecer cupom de cortesia e de desconto;
  • Promover promoção para grupos e assessorias;
  • Oferecer combo para eventos com mais de uma etapa e muito mais.

Ah, e você vai precisar fechar seu campeonato de jiu-jitsu com chave de ouro, certo? Sem problemas.

Com a MI você pode gerar certificados de conclusão de prova, ter em mãos o número de participação do campeonato, garantir um sistema de entrega de kits, disponibilizar a publicação de resultado, enviar declaração para entrega de kit e conciliação financeira.

E não para por aí, nossa ferramenta ajuda você organizador de eventos esportivos mesmo online a oferecer um atendimento diferencial em seu campeonato.


No final de seu campeonato, você visualiza os dados do seu evento em sua dashboard. Desta forma, você pode ter insights valiosos para se relacionar e atrair participantes na divulgação de seu próximo campeonato. Demais, né?

Gostou do nosso artigo? Então nos siga nas redes sociais e entre em contato conosco se tiver qualquer dúvida!

Se quiser inclusive, pode nos deixar um comentário aqui embaixo, teremos muito prazer em te ajudar ou saber de alguma observação que você possa ter.

Até a próxima.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
LOGO MI

Crie seus eventos no
Minhas Inscrições

Tenha as melhores ferramentas para uma gestão completa de seus eventos em um só lugar.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.